blog-post-img-3506

Coisas que aprendi com a exposição de Game of Thrones

Ok, esse post está atrasado. Muito atrasado. Porque a HBO saiu pelo mundo – leia-se 5 cidades ao redor do globo, escolhidas a dedo – com a Game of Thrones Exhibition, mostrando aos fãs da série um pedacinho do mundo de Westeros – e Essos também. Os locais escolhidos para abrigar a aventura foram Toronto, Nova Iorque, São Paulo, Amsterdam e Belfast.

Em Sampa, a HBO armou acampamento de 25 a 30 de abril, os ingressos, gratuitos, esgotaram em menos de 1 hora e meia do início da exposição. Nem o lote extra disponibilizado salvou. Quem conseguiu, entrou.E quem não conseguiu, chorou. O Hipnoseries tinha uma representante especial ali no meio.

Pois é. Essa exposição da HBO foi igual micareta – e devia ter distribuição de camiseta: “você eu não sei, mas eu fui”. Trouxe algumas lembranças de Westeros pra vocês, e inspirada no Buzzfeed, resolvi dividir algumas coisinhas aprendidas com a exposição. Lá vai…

  • São Paulo tem 2 shoppings Iguatemi

Desculpem, sou velha. Na minha época, Sampa só tinha um Shopping Iguatemi. Eu sei que o mercado expande, as administradoras, construtoras e etc são as mesmas, mas não dava pra chamar o shopping de outra coisa? Ainda mais com o negócio na esquina do Iguatemi original? Mega pegadinha do Mallandro nos idosos. Mas, passando este obstáculo…

  •  fãs de Game of Thrones são artistas talentosos

A HBO dedicou um mural inteiro da expo a fanarts. E os trabalhos enviados são LINDOS. Maravilhosos. Esplêndidos. Clap, clap, clap, apenas isso.

321626_10201063748817403_1679040086_n

  • a iluminação faz a diferença

O clima da exposição foi marcada pelas mudanças na iluminação, que iam de acordo com o núcleo da série representado. Na mostra dos Starks, os tons pálidos e mortos lembram as cenas em Winterfell; na mostra Targaryen, a luz quente lembra as dificuldades da Khaleesi e os mistérios de ambientes inóspitos, quase que marcando Daenerys como estrangeira; no núcleo Lannister, o vermelho traz o luxo e as extravagâncias de Porto Real à memória; e o white-out da Muralha chega a dar frio. Muito legal, mas pra tirar fotos… Uma lástima.

  • a tecnologia 3D é superestimada demais

Fizeram uma mega propaganda da tal “Blackwater Experience”, onde o visitante poderia reencenar a batalha de Água Negra em 3D. Juro que aquilo não fez nenhuma diferença na expo. Poderiam ter trazido muito mais do set se isso não tivesse sido armado.

  • a Khaleesi é anã

Quem visitou a exposição e viu os manequins de Emilia Clarke, em tamanho natural, não acreditou. Eu não acreditei – sou baixinha, e sou mais alta que ela. Comparando a armadura do Tyrion com o manequim da Daenerys, chego à conclusão de que a Khaleesi tem um passado meio Lannister. Só isso explica a pessoa nanica.

De longe, quanto ela tem de altura? Cuidado, Drogon pode não gostar da resposta

De longe, quanto ela tem de altura? Cuidado, Drogon pode não gostar da resposta

  • Peter Dinklage não é tão anão assim

Pode rir, mas é verdade. A armadura de Tyrion, em tamanho real, bate um pouco acima da cintura da armadura de Lord Tywin. Muita gente esperava um anão mesmo – que a altura mal chegasse na cintura. Acho que Peter Dinklage pode ser reclassificado como “baixinho”, porque é bem alto para um anão.

lan

  • A armadura de Tywin Lannister deixa Eike Batista com cara de pobre

Dizem que os Lannisters fazem ouro no banheiro. Bom… Uma piscadela para a armadura do Mufasa medieval e a gente acredita nessa. Uma das coisas mais LINDAS que já vi. Olhando a armadura de baixo pra cima, dá pra escutar isso aqui. A ironia? A montagem da expo dava uma dica fatal dos próximos episódios – Lannisters ao centro com a cabeça de Ned Stark ao fundo apontando para um armamento bem específico do outro lado da sala? Quem leu, entendeu. Quem não leu, sentiu os calafrios.

  • Todo mundo ama Robb Stark

Quatro personagens tiveram posters gigantes nos stands: Daenerys Targaryen, Jamie Lannister, Jon Snow e Robb Stark. Mas só o Rei no Norte ganhou adoração eterna dos fãs. Meninos e meninas paravam na mostra Stark só pra alisar o pôster e admirar a postura do Richard Madden incorporando o Jovem Lobo. Mas alguém assumiu isso na frente da câmera? Claro que não.

  • a produção de Game of Thrones realmente custa caro

Os fãs da série e leitores da saga de Gelo e Fogo reclamam bastante das adaptações que a série faz. Podem pesquisar: sempre tem alguém reclamando que o personagem X não estava usando a roupa da cidade Y, e outras coisas. Mas quem viu essa exposição entendeu muita coisa. Pra começo de conversa, não tem cópias aqui. As armas e armaduras que vemos na TV não são plástico pintado: a HBO manda fazer com ferro, aço, cobre, bronze e, em alguns casos (as coroas reais), ouro. As roupas, idem. Além disso, tudo passa por N processos pra dar aspecto realista. Isso certamente não é bolinho. E deve ser caro pra xuxu.

Não tem jeito de tudo isso ser barato. Algumas imagens são do Buzzfeed.

Não tem jeito de tudo isso ser barato. Algumas imagens são do Buzzfeed.

O Buzzfeed aprendeu muito mais, claro. Eu só queria dividir algumas coisinhas. Afinal de contas, a exposição é uma experiência única (apesar de incrivelmente curta). E é isso, pessoal. Fiquem ligados para os próximos episódios de Game of Thrones. Acreditem quando digo que serão emocionantes.

575456_10201063750577447_1042608136_n

Lekkerding 237 posts

Cúspide e Gêmeos e Câncer. Corinthiana não praticante. Indie até os ossos. Advogada. Blogueira. Eterna estudante. Jogadora de handebol e de rugby, aposentada compulsoriamente. Fã de cerveja, de um bom papo, da internets e da (boa) política. Amante de David Bowie e de Florence & the Machine. Chata. Sem mais.

"Quem sabe respirar o ar de meus escritos sabe que é um ar das alturas, um ar forte. É preciso ser feito pra ele, senão há o perigo nada pequeno de se resfriar. O gelo está próximo, a solidão é monstruosa (...) Quanta verdade suporta, quanta verdade ousa um espírito? Cada vez mais tornou-se isto pra mim a verdadeira medida de valor. Erro não é cegueira, erro é covardia... Cada conquista, cada passo adiante no conhecimento é consequência da coragem, da dureza consigo, da limpeza consigo... Eu não refuto os ideais, apenas ponho luvas diante deles... Lançamo-nos ao proibido: com este signo vencerá um dia minha filosofia, pois até agora proibiu-se sempre, em princípio, somente a verdade."

Friedrich Nietzsche

Porque toda semana - lembrem-se, minhas semanas são relativas - deixarei algo bacana pra vocês verem/ouvirem. Espero que gostem das escolhas.