blog-post-img-2600

Move that Jukebox!

Bem amigos da… Opa, personagem errado. A cabeça está nas nuvens e cá estou para mais uma atualização do blog.

Há muito tempo, existia (sei lá se ainda fazem dessas) uma tradição no Twitter chamada #musicmonday. As pessoas costumavam colocar na timeline, por sites como o Blip.fm, as músicas que animavam a segunda-feira – o dia mais depressivo a semana precisa de motivação, certo?

A equipe Hipnoseries está especialmente inspirada. De Gary Jules a Prodigy, as meninas estavam mega empolgadas com música hoje. E lembrei da minha conta lá no Blip. E lembrei que hoje é… Segunda-feira!

Então… Resolvi recuperar (um pouquinho) a magia dessa tradição do Twitter. Segue uma lista de bandas bacanas pra curtir nessa segunda – e na terça, e na quarta, e na sexta, e todo dia!

A Fine Frenzy

Quem indicou foi o Leo Ferreira, há muitos e muitos anos (leia-se 2010). Ouvi uma, ouvi duas, busquei discografia, saí recomendando… Banda boa e pop, hoje, é espécie em extinção – mas essa está a todo vapor, e tem disco novo programado pra 2012. Aí vai.

Maria Gasolina

Essa é uma descoberta feita na Last FM. O engraçado é que essa banda prova que o lixo de uns é tesouro de outros; você, que não gosta de axé, é bom saber que Ivete Sangalo em finlandês vira ska. É Cult, é legal. Maravilha.

Yuna

Essa descoberta veio do Myspace – sim, ele ainda existe e ainda tem muita coisa bacana por lá, se soubermos procurar). Yuna é referência no cenário indie da Malásia, e comparada a artistas como Feist e Sia Furler – o que é perfeitamente compreensível, com o vocal suave e os acordes de violão poderosos que a mocinha produz.

The Silver Shine

Essa banda eu conheci na balada. Às vezes, a gente ganha coisas muito boas na balada, fora do lugar comum da bebida, risada, e eventuais relações sociais sem fins reprodutivos. É só pararmos um pouco e prestarmos atenção no que ouvimos.

Soil & Pimp Sessions

Essa banda foi descoberta por um anime. A música de abertura de Michiko to Hatchin – aliás uma obra toda baseada no Brasil, que eu recomendo por ser diversão garantida e mostrar que funk brasuca na mão dos outros pode até virar música decente – foi feita por eles. Gostei da abertura, fui conhecer mais da banda. ADOREI.

Gregory and the Hawk

Outra descoberta via Last FM. A primeira música que ouvi dessa cantora foi Boats and Birds. Aí, comecei a vasculhar, e achei tudo de bom. Pra quem gosta de violão e voz – com aquela letra linda de sonhar – é uma ótima pedida. E pra quem já gosta, a boa notícia: Meredith Godreau promete novidades para 2012.

The Baseballs

Outra da série “ouvi na balada”. Já mostrei os Baseballs por aqui, na lista de covers bacanas. Os meninos de Berlim são especialistas nisso: covers de músicas atuais em versão rockabilly, e conseguem tirar magia das músicas mais horríveis da atualidade. Duvidam? Pois vejam por si mesmos.

Metric

Mais uma da série “descoberta na Last FM”. Essa banda, aliás, está de álbum novo estourando por aí, e colocamos o single novo na página do Facebook hoje mesmo. Vale a pena conferir. Tem música pra todos os momentos e gostos: pra dançar, relaxar, tomar um vinho a dois… Metric é tudo de bom.

The Pains of Being Pure at Heart

Não parece, mas eu saio bastante! Essa é uma das bandas que hoje adoro graças ao gosto apuradíssimo dos DJs do Astronete. Aliás, o Astronete saiu do limbo no último Carnaval. Muitas saudades desse cantinho de má reputação adorável (vulgo inferninho).

The Muffs

Mais baladas, mais memórias do Astronete, e mais bandas boas. Essa, em especial, faz uma linha mais pesada – e se a vocalista fosse loira e completamente louca, vocês diriam que é Courtney Love renascida. Mas o som compensa!

Então, gente, é isso. Espero que gostem da seleção e que tenham uma ótima semana. Agora, o palco é de vocês, nos comments. o/

Lekkerding 237 posts

Cúspide e Gêmeos e Câncer. Corinthiana não praticante. Indie até os ossos. Advogada. Blogueira. Eterna estudante. Jogadora de handebol e de rugby, aposentada compulsoriamente. Fã de cerveja, de um bom papo, da internets e da (boa) política. Amante de David Bowie e de Florence & the Machine. Chata. Sem mais.

"Quem sabe respirar o ar de meus escritos sabe que é um ar das alturas, um ar forte. É preciso ser feito pra ele, senão há o perigo nada pequeno de se resfriar. O gelo está próximo, a solidão é monstruosa (...) Quanta verdade suporta, quanta verdade ousa um espírito? Cada vez mais tornou-se isto pra mim a verdadeira medida de valor. Erro não é cegueira, erro é covardia... Cada conquista, cada passo adiante no conhecimento é consequência da coragem, da dureza consigo, da limpeza consigo... Eu não refuto os ideais, apenas ponho luvas diante deles... Lançamo-nos ao proibido: com este signo vencerá um dia minha filosofia, pois até agora proibiu-se sempre, em princípio, somente a verdade."

Friedrich Nietzsche

Porque toda semana - lembrem-se, minhas semanas são relativas - deixarei algo bacana pra vocês verem/ouvirem. Espero que gostem das escolhas.